Existe um jardineiro dentro de todos nós, apenas esperando para brotar. Esta na nossa natureza cuidar e gostar de plantas, afinal foram elas que ajudaram nossa espécie a chegar onde está hoje. Mas por onde começar?


Tenha um jardim

Não há nada como estar cercado de plantas, árvores e flores que você mesmo plantou e cuidou, portanto não perca esse prazer por preguiça ou medo de ter uma "mão ruim". Plantas naturalmente foram feitas para crescer, tudo que você precisa fazer é dar uma ajuda! Ainda preocupado? Faça seu primeiro jardim em vasos, onde é mais fácil ter controle sobre o solo, água e iluminação (basta mover ou retirar do sol). Veja nossa seleção de plantas para vasos!


Escolha o local com cuidado

Plantas não sobrevivem sem sol e água, portanto escolha um lugar onde elas podem conseguir tudo que precisam. A maioria das flores, ervas e vegetais precisam de sol pleno - o que significa pelo menos 6 horas diárias de luz solar direta sobre elas. Não tem todas essas horas de luz em seu jardim? A maioria das plantas de sol pleno viverá bem, porém com mais folhagem e menos flores, ou então opte pelas variedades de sombra! Veja todas as nossas opçoes em Feitas para a Sombra. Ao escolher o local também pense nas regas: quanto mais perto de uma torneira, menos trabalho com mangueiras e mais fácil regar suas plantas durante o calor do verão.


Comece pelo solo

Plantas sobrevivem através de suas raízes. Raízes vivem no solo. Logo, a parte mais importante do seu jardim está embaixo da terra. A maioria dos solos ao redor de casas não é ideal para plantas, então trabalhar para melhorar o solo é provavelmente o passo mas importante para ter um jardim bem sucedido. Como? Adicionando matéria orgânica. E o que é isso? São partes de plantas decompondo, esterco curtido, folhas trituradas, entre outros. A matéria orgânica faz maravilhas pelo seu solo: ela ajuda na retenção de água do solo em épocas de seca, mas também permite que o excesso seja drenado em épocas de chuva. Ela ajuda a manter o solo fácil de se trabalhar e aerado, permitindo que o oxigênio chegue até as raízes. E ela também é fonte de nutrientes para suas plantas! Veja uma solução simples em nosso artigo sobre o canteiro lasanha


Não exagere

Se estiver montando seu primeiro jardim, é melhor trabalhar um canteiro por vez do que um jardim inteiro. Quando estiver feliz com o resultado do primeiro, mova para o próximo e assim por diante. Caso tenha vasos, a regra é a mesma: evite plantar mais vasos do que você tem tempo para cuidar. Lembre-se de que eles exigem mais atenção do que plantas na terra e durante o verão a rega é diária. Um dia de abandono pode ser suficiente para matar plantas que demoraram meses para crescer.


Plante sementes

Mesmo se você estiver acostumado a comprar mudas, dê uma chance às sementes. Você pode começar com variedades grandes e fáceis de se plantar como vincas, tagetes, capuchinha, zínias ou pimentas, e quando estiver confiante passar para as próximas. Plantar sementes é uma opção muito mais econômica e você tem acesso a variedades exclusivas que não encontraria em lugar algum!